N&W: Espero que não seja tarde demais!


Acredito que abri seu e-mail muito tarde. Espero que não tenha feito alguma besteira. É final de ano e todo mundo fica mais sensível, tudo bem se você ficar também. Legal você ter parado para brincar com as crianças do condomínio, as mesmas que na época de São João você reclamou por causa dos fogos de artifício. Que bom que crianças esquecem rápido de coisas ruins, perdoam rápido. E é muito legal da sua parte, de verdade. É quase uma versão diferente de você, acho que sem mim você está melhor. Minha amizade por e-mail pode bastar, mas sinto muito a sua falta. Não dá pra abraçar por via eletrônica. Nem dividir a pipoca durante um filme. E espero que não fique com raiva de mim, mas eu chamei a Marina para assistir um filme aqui em casa. Na verdade, ela me chamou para sair, mas como Natal eu gasto todo o meu dinheiro comprando presentes para os sobrinhos, não pude sair. Lisa mesmo. Chega dá vergonha do meu descontrole financeiro. Comprei um presente para você, pode chegar no correio pelas próximas semanas. Depois do Natal, mas o que vale é a intenção, não é?

Não vou pra casa este Natal. Não me planejei para isso. As passagens estão caras e como estou nos meus primeiros meses longe de casa, ainda não peguei a manha de saber quando é hora de respirar o ar puro da minha cidade natal. Eu acho que vou chorar bastante no varar da madrugada. Meu primeiro Natal longa de minha família, isso é doloroso. Mas é a vida, não é? Todo mundo acha que perseguir seus sonhos é como nadar nas nuvens, mas é bem mais pé no chão do que isso. Sonhos doem pra caramba. Sei lá porque a gente faz isso... Vai entender.

Por favor, passe na casa da minha Vó Grace no Natal, pois minha família inteira estará lá. Dê um abraço neles por mim! (não vá tarde porque o pessoal é boring e dorme cedo)

Eu vou dizer minha opinião sobre sua vida amorosa, mesmo que você já tenha tomado alguma medida, ou sei lá o que pode ter feito. Você já chegou para mim diversas vezes dizendo que queria terminar com Pedro. Alguma coisa sempre te impedia e eu vou repetir o que é: você deixou uma parte de você com ele. Você tem medo de se despedir desta parte. Mas saca só... somos seres tão instáveis, que podemos nos recriar. Simples assim.

Não estou dizendo: termine com ele. Estou dizendo: Não fique com ele por medo de se perder nesse término. Você é muito além do que pensa. Enfim... ele é um cara legal, mas se forem continuar juntos, precisam se redescobrirem juntos. Ele está fazendo muitas coisas erradas e você também. Se ajudem.

Quanto a sua irmã, por favor, lembre a ela de passar lá em casa para pegar os livros. Eles não estão separados, mas diga a ela que escolha os que quiser (da prateleira de baixo) e me mande os títulos. Alguns eu dou, outros empresto. hahaha!

Hoje trabalhei o dia inteiro e estou cansada! Muito! Só vim responder porque percebi que já faz tempo que você me escreveu. Te amo muito! Me responda rápido (afinal, você não sou eu!)

Beijos, Natália


N&W é uma coluna que mostra a troca de e-mails de duas amigas que eram inseparáveis, até que Natália se muda para longe em busca de seus sonhos e Wanessa fica com a saudade na palma da mão. Mais>>

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários sujeitos a moderação.
Será excluído qualquer comentário que declare preconceito ou que seja ofensivo e pejorativo.

CF/88: Art. 5°, IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;

Camille Reis. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design