Escolha amar


Ele sabe o número do meu CPF e a senha do cartão. Ele sabe também que, pra mim, a coisa mais prazerosa a se fazer na cama é dormir. Sabe, até, que odeio acordar em vão, mas quando lhe dá vontade ele me acorda no meio da noite pra pedir um carinho. Eu o amo mesmo assim.

Ele conhece minha voz de sono e sabe que quando falo manhosa eu quero carinho. A mulher mais criança do mundo e ele há de me amar. Raramente me vê de maquiagem, e com a primeira abertura de olhos da manhã ele já diz que estou linda. Queria que fosse verdade, que fosse fácil acordar radiante, mas sou assim aos olhos dele.

De todos os questionamentos e filosofias que fazemos sobre o amor, o que eu posso te falar é que ele não é uma coisa só. Existe o amor sentimento, que é aquele que sentimos na paixão, no ardor do sorriso. Existe o amor decisão, que sentimos na angústia dos momentos difíceis e na mesmice do dia-a-dia. Amar é uma escolha que fazemos no pico da vida e levamos para os buracos mais profundos de se chegar.

Sem duvida alguma, amar é uma decisão difícil, mas que torna tudo mais fácil a medida que qualquer sorriso é multiplicado e qualquer dor é compartilhada, ficando, o peso, mais leve. Escolha amar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários sujeitos a moderação.
Será excluído qualquer comentário que declare preconceito ou que seja ofensivo e pejorativo.

CF/88: Art. 5°, IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;

Camille Reis. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design